• Centro Nacional de Educação

Alfabetização: sugestões de uso da tecnologia

Na última publicação do nosso Blog, falamos sobre a necessidade de se desenvolver novas habilidades e competências para a leitura na internet. Esta semana se iniciou com o Dia da Alfabetização, e hoje, vamos continuar esse assunto, com algumas sugestões de trabalho para o professor.

Apontamos anteriormente que a mescla de som, cores, movimento, vídeo e texto deixa a leitura mais rica. Para isso, podemos, por exemplo, utilizar aplicativos de contação de histórias. Eles apresentam a história com imagem, som, legenda e música, mas você também pode retirar alguns desses elementos, se desejar. Um deles é "Meu livro de historinhas". O professor pode apresentar a história durante a aula, ou solicitar que os alunos assistam a uma história específica, para depois discuti-la com eles, apontar palavras novas e diferentes, sugerir a escrita de uma nova versão dela, dentre outras possibilidades. Ensine-os a fazer anotações enquanto assistem à história. Anotar uma palavra nova para eles, um elemento interessante na história, os nomes dos personagens. Para aqueles que ainda têm dificuldade na escrita, uma opção é fazer essas anotações em formato de áudio, que poderá ser transcrito com a ajuda do professor e dos colegas.


Para trabalhar a leitura de textos na internet, antes de mais nada, faça uma pesquisa com seus alunos (aproveite para brincar um pouquinho com gráficos e tabelas!). Descubra os gostos e interesses deles, assuntos que estão em pauta e eles querem saber mais. Use os resultados dessa pesquisa para escolher o tema para a busca de textos na internet. Ensine a eles que é importante usar boas palavras-chave na busca. Por exemplo, se a busca é por "desenhos animados", talvez eles sejam mais bem-sucedidos se usarem o termo "animação". Talvez queiram animações específicas, como as da Disney, ou de super-heróis. Usar termos mais específicos pode colaborar para que a busca seja mais efetiva.

Tendo encontrado uma série de links para textos referentes a "animações", mostre a eles que esses textos, muitas vezes, apresentam "hiperlinks", aqueles textos sublinhados, que nos levam a outro texto se clicarmos nele. Eles podem nos trazer ainda mais informações sobre o assunto que pesquisamos, ou nos afastar dele! Por isso temos que ter atenção e cuidado ao fazer essa leitura não-linear. Outro cuidado importante é o de armazenar a informação que achamos interessante ou pertinente. Vários meios podem ser usados para isso. Um deles é adicionar a página a sua guia de favoritos. No Google Chrome, por exemplo, basta clicar na "estrela" que se encontra ao fim da URL. Uma outra possibilidade é guardar no Keep, um aplicativo do Google que pode ser acessado no celular, no computador ou na própria internet. Ele nos ajuda a manter informações guardadas e organizadas. Um ótimo meio de se ensinar organização aos alunos.


Professor, não pense que textos de papel devem ser descartados. Ao contrário. Competências desenvolvidas com a leitura em papel são necessárias e bem-vindas para o trabalho com uso de tecnologia. Mas é também essencial que os alunos saibam utilizar essa ferramenta tão poderosa, útil e importante para acessar informação e se desenvolver cada vez mais. O seu papel muda com essas novas possibilidades. Essa é a vida de professor, ser mutante a cada necessidade de nossos alunos!

Deixe seu recado em nossos comentários, e aguarde mais sobre essa mudança no papel do professor em nossas próximas postagens.

74 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo